Games with Gold


Featured Video Play Icon

F1 2017 | Carreira – Assim vou Aposentar o Massa

29 de abril de 2018

A sensação de velocidade de um F1 é algo ímpar e em 2012 fui contagiado pelo ótimo game F1 2012 – ouvi tantas coisas bacanas do game 2011 -, mas depois de jogar algumas horas fiquei com a sensação de que faltava algo e acabei jogando menos do que desejava. Concluí que o esterçamento, a sensação de virar o volante era o que me limitava e que só voltaria a jogar F1 quando tivesse um volante. Agora, de posse do G920, resolvi colocar à prova esta condição e vou lhes dizer: É foda! Muito maneiro “segurar” o volante com o polegar num cotovelo ou corrigir uma “escapada” com o volante, demais. Parece-me que o game lhe entrega mais, não sei… Inclua, também, o quão divertido é jogar de volante e suba o giro.

 

 

Na playlist do canal você encontrará duas gameplays, antes desta, com o clássico Renault R26 e o encantamento voltou, só que desta vez o volante substituiu o controle do Xbox, e isto motivou-me a começar o modo carreira.

 

 

Pilotada, é simplesmente sensacional. Trago-lhe a primeira prova, realizada na Austrália, e muita coisa que envolve o circo da fórmula 1 é entregue neste modo volumoso de carreira. A Criação de piloto/personagem e a escolha da equipe já eram esperados, mas o desenvolvimento do carro é algo muito irado. Cumprir etapas como ir pra pista e treinar a economia de combustível, o desgaste de pneus, estratégia de corrida e afins te levam a viajar durante a quinta, sexta, sábado e domingo de grande prêmio. Desenvolver o carro ajuda sua equipe a conhecer sua tocada e traçar planos para os treinos e corridas, além do mais você acumula pontos e estes são utilizados para você aplicar numa árvore de aprimoramento (foda e complexa pra caralioooooo), onde o desgaste de equipamento faz muita diferença e é preciso adquiri experiência para não sair trocando a cada “amarelar” de cenário. Apesar de complexa, é uma parte que me chamou muita atenção e que, sinceramente, acredito ter sido preparada com a intenção de lhe manter na pista. Isto mesmo, acredito que o game “te força” a fazer mais de uma temporada para conseguir desenvolver o carro, pois não acredito – posso estar plenamente enganado – que em uma temporada você consiga desenvolver aquela porrada de coisas.

 

 

Este primeiro vídeo ficou um pouco mais longo e olha que não disponibilizei a parte de desenvolvimento – demora demais, quem sabe numa live!?

 

 

Pretendo, para as próximas gameplays, trazer as famosas etapas de classificação (Q1, Q2 e Q3) e a prova propriamente dita – vídeos separados e em dias distintos. E vou lhe dizer: Nesta primeira corrida o “furingo trancou”, pois setei pra 5 voltas e meu combustível logo se foi e tive que economizar absurdamente pra completar a prova. Preciso saber onde trabalho nisto e mais tempo de jogo é o que preciso.

 

 

Existe a possibilidade de fazer parte de eventos comemorativos. Quem sabe não participo de algum… será que dependerá da minha performance? Espero que não… rs

 

Perceberam que curti o game né… pois é, nem aí se tem algum bug ou erro… deixa o Boêmio jogar…

 

 

Aquele abraço,

Boêmio

The following two tabs change content below.
"Eu não luto por riqueza ou glória. Mas pela Luta em si. De que me adiantam os troféus? A excitação da vitória e a expectativa do próximo oponente são o bastante" https://about.me/lucianoalucard

Latest posts by Luciano Alucard (see all)

%d blogueiros gostam disto: